/
Trilhos do Conhal
Arneiro (Ponto de Partida)
Ponto a visitar
 
Trilhos do Conhal , Arneiro (Ponto de Partida)
O Percurso Trilhos do Conhal é um dos trilhos geoturísticos do Geopark Naturtejo mais espectaculares ao nível das paisagens geológicas. Neste percurso descobre-se o fantástico graben do Arneiro-Vilas Ruivas, no fundo do qual se terá estabelecido no período Romano uma das mais extensas "arrugia" de Portugal. No cume da Serra de S. Miguel abre-se a Buraca da Faiopa, uma cavidade que poderá ter sido um mina de ferro, com abundantes fracturas preenchidas com goethite/limonite. No lendário local, esta terá sido também uma ligação ao Castelo do Rei Wamba, túnel secreto utilizado pela rainha cristã para se encontrar com o seu amante mouro. Do Miradouro das Portas é possível observar toda a extensão do Conhal do Arneiro, ocupando uma área de cerca de 100 hectares, entre o Ribeiro do Vale e a Serra de S. Miguel, singularizado por um grande conjunto de amontoados calhaus rolados de quartzito a que se dá o nome de conhos, dispostos em alinhamentos. Estes alinhamentos marcam antigos canais por onde circulava a água destinada ao desmontar dos depósitos aluvionares e à lavagem do sedimento. O trilho desce a serra, levando a caminhante à frente de exploração e às conheiras, que contam a história da mineração romana no Geopark Naturtejo.
Características