/
Geossítio Carreamento da Foz do Azibo
Lagoa
Ponto a visitar
 
Geossítio Carreamento da Foz do Azibo, Lagoa
Neste geossítio observa-se uma importante descontinuidade entre os gnaisses ocelados ( rocha mais clara) do continente Armórica com cerca de 500 milhões de anos e os anfibolitos,( rocha mais escura) antigos basaltos do fundo do oceano Galiza Trás-os-Montes. Formados há mais de 400 milhões de anos. A observação destas rochas e desta descontinuidade é fundamental para a reconstituição do processo de fecho do oceano Galiza Trás-os-Montes e consequente empilhamento de diversas partes das crustas oceânica e continental sobre as rochas autóctones da margem passiva.
Características